O Mundial de Endurance rouba a cena (e as emoções) da Fórmula 1 e decide o título em final eletrizante

 

104-1

QUE CAMPEONATO MUNDIAL foi decidido na última etapa, depois de uma temporada com oito corridas longas, incluindo nada mais nada menos que as 24 Horas de Le Mans? O WEC é claro, o Mundial de Endurance e seus protótipos maravilhosos e carros de turismo dos sonhos. E todos os ingredientes estavam lá, competitividade, altas velocidades, muita tecnologia e corridas que só existem no imaginário de quem realmente gosta de automobilismo. E um desses ingredientes foi o retorno da mítica marca Porsche às corridas de Endurance, com o sensacional 919 Hybrid e a presença do piloto australiano Mark Webber, defenestrado da F1 depois de onze anos por lá.

104-2

Webber foi a grande sacada da Porsche em seu retorno triunfal às corridas de Endurance. Jocosamente apelidado de “Mark-eting Webber”, devido sua capacidade de se relacionar bem com dirigentes de equipes e mal com seus companheiros, o australiano vive seu melhor momento no WEC, com um título mundial que tanto almejou na F1, com passagens pela Jaguar, Williams e Red Bull. Foram nove vitórias na categoria, até sua melancólica saída em 2013, claramente preterido em relação a seu companheiro Sebastian Vettel.

O WEC 2015 somou 66 horas de disputa – incluindo sete eventos de seis horas de duração, mais as 24 Horas de Le Mans…

 VEJA MATÉRIA COMPLETA NA CAR 71. COMPRE ONLINE!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s