Mais potência, mais torque e tração integral também… O E63 S da Mercedes quer ver seus rivais comendo poeira.

s3

Seus amigos ririam de você e comentariam pelas suas costas, questionando do porque abrir mão do esperto diferencial traseiro eletrônico e coxins magnéticos ativos do motor. Só isso significaria piada nas rodas automotivas, mas se você optar pela versão ‘não S’ do novo E63 da AMG, teria que se contentar com ‘apenas’ 563 cv e 76,4 kgfm de torque. Aí é que entra o E63 S na conversa. Seus 603 cv e 86,6 kgfm são mais que satisfatórios, mas o carro melhora em apenas um décimo o tempo de 3.5 s de um E63 standard, tanto que nenhum destes foi trazido para o lançamento do E63 S, que, em troca deste décimo de segundo, ganhou acréscimo significativo no preço. Ah claro, tem o intangível fator exibicionismo, mas há muito mais.

s2

Você poderia, no entanto, tentar achar algumas explicações para instalar tração integral no E63 – o E63 S é capaz de ter até 50% da tração no eixo dianteiro. Muitas são as questões e o melhor é levá-las a Tobias Moers, chefão da AMG, para sabermos quais são as vantagens e desvantagens que o sistema trouxe. Interessante também dizer que se você quiser apenas tração traseira, basta puxar as duas borboletas de troca depois de dar a partida, segurá-las assim atrás do belo volante com parte inferior ovalada e depois dar um golpe na borboleta direita para confirmar sua escolha. Fácil? Depois de fazer isso, o sistema AMG Performance 4Matic+ desengata o eixo dianteiro da nova caixa automática de nove marchas e engates rápidos. Obviamente você estará com um dos programas mais extremos do Dynamic Select selecionado, que permitem esta operação que resulta em moagem de pneus.

s4

Com estes números de potência e torque, antes alcançados apenas por bons preparadores, não surpreende que o E63 S seja incrivelmente rápido. Não há rival em sua categoria que chegue perto, nem mesmo um Porsche Panamera Turbo topo de linha. BMW M5? Ficaria para trás, perdido numa fumaça de borracha queimada. E você acompanha tudo através do painel com mostradores em dois níveis, onde se medem o tempo do quarto de milha ou tempos de volta num autódromo.

Mas no mundo real ele está longe dos rudes veículos de competição e ao invés de autódromos, deverá ser visto em passarelas chiques ao redor do mundo, por isso, além do kit específico da AMG, o E63 S embarca todas as funções autônomas e de auxílio à condução encontradas em um Classe E normal, afinal, como pontua Oliver Wiech, diretor de desenvolvimento de veículos: “a exigência de nossos clientes sobre este carro é enorme, simplesmente porque suas expectativas do que ele pode entregar são muito maiores”…

VEJA MATÉRIA COMPLETA NA CAR 80. JÁ NAS BANCAS E NA LOJA ONLINE!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s