Car Magazine Car Magazine

Brazilian Gameboy

Campeão mundial de videogame, o brasileiro Igor Fraga se aproxima da Fórmula 1 apoiado pela Red Bull. Por: Rodolpho Siqueira

RaceCarGame Boy - Igor Fraga

Já se passaram algumas décadas desde que os primeiros jogos de corrida apareceram no mercado. O primeiro foi o Atari Gran Trak 10, surgido em 1974, ainda na época do bicampeonato mundial de Emerson Fittipaldi. Bastante rudimentar, consistia de uma tela preta com uma pista formada por pontos brancos na qual o piloto usava volante, acelerador e alavanca de câmbio para vencer uma corrida contra o relógio. Era uma época na qual os heróis aceleravam somente na pista e os games eram destinados apenas para a diversão despretensiosa. Desde então calcula-se que mais de dois mil games de corrida foram lançados.

Quase cinco décadas depois, a fronteira que divide estes dois mundos começa a se diluir. Devido à epidemia do coronavírus, os campeonatos do mundo real foram forçados a realizar corridas virtuais para manter sua plateia entretida. E há alguns anos já começam a surgir dos videogames os primeiros candidatos a estrela do esporte a motor real. Nesse cenário, um jovem brasileiro aparece como o principal pivô dessa transição.

Game Boy - Igor Fraga

Fraga durante vitória em uma competição virtual: brasileiro é aposta do jogo Gran Turismo para chegar à F-1

Igor Fraga nasceu no Japão de pais brasileiros, mas atualmente reside em Ipatinga, interior de Minas Gerais. No mundo dos games, ele foi campeão do FIA Nations Cup (2018) e conquistou o FIA Manufacturers Series no ano seguinte, ambos no Campeonato Mundial de Gran Turismo. Os dois torneios são reconhecidos pela entidade máxima do automobilismo, a FIA. A surpresa foi que, recentemente, ele foi anunciado como membro da academia de jovens pilotos da Red Bull. É o mesmo programa que levou para a Fórmula 1 o tetracampeão Sebastian Vettel.

A conquista da vaga na academia veio após outro feito: Fraga venceu em fevereiro a tradicional Toyota Racing Series, campeonato disputado anualmente na Nova Zelândia com a participação de vários expoentes da nova geração do esporte a motor mundial. Defendendo a equipe M2 Competitions, o jovem mineiro conquistou nove pódios, quatro vitórias, três poles e três melhores voltas nas 15 corridas. Fraga foi o primeiro brasileiro a vencer o torneio.

A carreira de Igor Fraga, que começou como kartista no Japão mas sempre se dedicou ao automobilismo virtual também, tem sido apoiada por um patrocinador bastante peculiar. Percebendo que se tratava de um competidor com potencial para ingressar no esporte a motor de alto rendimento, a empresa japonesa Polyphony Digital, desenvolvedora do jogo best-seller Gran Turismo, passou a investir no piloto. Neste aspecto, o ingresso do brasileiro no programa júnior da Red Bull provou que a aposta da Polyphony foi certeira.

Game Boy - Igor Fraga

Igor Fraga, o novo piloto do programa Red Bull Junior Team: diluindo a fronteira entre o real e o virtual nas pistas

“Essa é uma ponte entre dois mundos que pouca gente acreditava ser viável há algum tempo. Hoje, felizmente as pessoas pensam diferente. Fui adotado por um dos principais projetos de apoio a jovens com potencial de chegar à F-1. Isso, realmente, não é pouca coisa. Estou muito honrado. E, claro, bastante feliz”, finaliza o novo piloto da Red Bull Junior Team.

Car Magazine Car Magazine