Car Magazine Car Magazine

Ganhou motor turbo e um torque absurdo

Esse ícone de esportividade recebeu um novo motor, agora biturbo, e ganhou muito em desempenho, dirigibilidade e prazer de dirigir. Continua a ser um carro “familiar” que arrebata pela grande performance.

Car

A RS 4 Avant é um dos esportivos mais representativos da marca alemã. Está em produção há quase 20 anos e no final de 2017 foi apresentada em sua quarta geração, que agora desembarca no Brasil. Como seria de se esperar, ela foi atualizada visualmente, e sua frente conta com entradas de ar sólidas com a estrutura em colmeia típica dos modelos RS e uma ampla grade Singleframe. Em comparação com o A4 Avant, as caixas de rodas, que foram ampliadas em 30 milímetros, também são destacadas pelos relevos quattro nas rodas de liga leve de alumínio de 20 polegadas. Na traseira, o difusor, as saídas de escapamento ovais e o spoiler de teto, equipamentos específicos da linha RS, compõem seu visual.

Mas, com certeza, o grande destaque do carro fica por conta da adoção do novo motor V6 biturbo (com os mesmos 450 cv do V8 que anteriormente equipava a station), que agora conta com fantásticos 61,1 kfgm de torque (17,3 kgfm a mais que seu predecessor) entre 1.900 e 5.000 rpm, contra os 43,8 kgfm do propulsor anterior. Esse torque absurdo é o principal responsável pela incrível sensação de aceleração proporcionada por essa station “familiar”. Sim, familiar, já que ela apresenta desempenho similar ao de alguns dos esportivos mais emblemáticos do mundo, mas tem comportamento dócil e confortável para o uso do dia a dia.

Há que se destacar, também, o trabalho feito no câmbio automático de oito marchas, que transfere a potência do motor para a tração quattro. Ele tem mudanças rapidíssimas, como se fosse um automatizado de dupla embreagem. A tração integral entrega o torque permanentemente para as rodas, na proporção de 60% para as traseiras e 40% para as dianteiras. Os pneus são do tipo run flat, na medida 275/30 ZR 20. Com esse conjunto, o carro alcança a velocidade máxima de 280 km/h e acelera de 0 a 100 km/h em 4,1 segundos.

A suspensão da RS 4 Avant ficou ligeiramente mais baixa – 7 mm – que a do A4 Avant. Como em outros modelos da marca, o motorista pode definir sua forma de dirigir usando o Audi Drive Select, com quatro modos de condução disponíveis: Comfort, Dynamic, Auto e Individual.

O interior na cor preta, os assentos com costuras em padrão de colmeia e a identificação “RS” no encosto dos bancos destacam o caráter esportivo da RS 4 Avant. O volante multifuncional com a parte inferior plana, a base da estrutura do câmbio automático e as faixas iluminadas do painel também trazem o emblema RS. No Audi Virtual Cockpit, gráficos específicos da linha RS fornecem informações sobre força G, pressão dos pneus e temperatura, bem como potência e torque. O temporizador de voltas é capaz de memorizar até 99 voltas e comparar os tempos entre si. Status de componentes técnicos, como a temperatura do óleo, do motor e do fluido de transmissão, e a pressão do ar nos pneus são apresentados no painel.

Nessa nova geração, a RS 4 Avant ganhou mais espaço interno. Ela ficou maior na distância entre eixos (2.826mm) e a largura dos ombros nos assentos frontais foi ampliada em 11 milímetros. O apoio central de braço na frente, os suportes laterais de porta, os porta-copos e o novo compartimento atrás da luz central interna enfatizam as características da marca na usabilidade cotidiana.

Em sua configuração básica, o compartimento de bagagem da RS 4 Avant dispõe de 505 litros, volume que sobe para 1.510 litros quando os assentos são rebaixados. O porta-malas tem sua abertura e fechamento por acionamento elétrico com sistema hands-free, que responde ao movimento do pé.

Incluído nos equipamentos de série da RS 4 Avant está o Head-up Display, que projeta informações relevantes no para-brisa, bem diante do campo de visão do motorista. Se estiver em modo manual, o visor também sugere a mudança de marcha com o paddle shift. Entre os opcionais, destaque para o pacote Audi Assistance Tour, que contempla ampla variedade de recursos, como o Traffic Jam Assist (auxilia na condução durante engarrafamentos e movimentação de velocidade até 65 km/h), o Audi Active Lane Assist (corrige a direção e alerta sobre possível saída da faixa sem sinalizações), o Adaptive Cruise Control (mantém distância do veículo da frente com auxílio de sensores e câmera), o assistente de luz alta Audi e os freios de cerâmica.

Andamos com a RS 4 Avant no autódromo Velo Città, no interior de São Paulo, onde nos deparamos com um dia bastante chuvoso, o que só ajudou a confirmar toda a potencialidade do controle de estabilidade e tração DSC e do sistema de tração integral quattro. Apesar do piso bastante escorregadio em algumas partes do circuito, ficou patente o quanto esse conjunto de soluções pode ajudar um motorista comum. A diversão ficou por conta das ótimas acelerações proporcionadas e pela segurança transmitida pelo carro em qualquer situação.

Audi RS 4 Avant
>Preço R$ 546.990
>À venda Disponível
>Motor V6 a 90°, 2.894 cm3 FSI, 16 V, turbo, injeção direta, 450 cv entre 5.700 e 6.700 rpm, torque máximo de 61,1 kgfm entre 1.900 e 5.000 rpm
>Transmissão Automática Tiptronic com oito marchas; tração integral quattro
>Desempenho Aceleração de 0 a 100 km/h em 4,1 s; velocidade máxima de 280 km/h
>Suspensão Dianteira e traseira independentes Multlink
>Comp. / largura / altura 4.781 / 1.866 / 1.404 mm
>Peso / material 1.715 kg / aço

Car Magazine Car Magazine