Car Magazine Car Magazine

John Cooper Works caminha para a eletrificação

Unidades eletrificadas da marca já respondem por 10% das vendas totais no mercado global e 15% no mercado brasileiro. O próximo será o John Cooper Works

Car

A evolução da marca está focada na expansão contínua da mobilidade elétrica e na oferta de novas oportunidades de experimentar o Go Kart Feeling característico da fabricante britânica — o que também abre novas possibilidades para os John Cooper Works. A arquitetura dos futuros veículos da marca possibilitará que o desempenho e o prazer de dirigir estejam disponíveis tanto com acionamento elétrico quanto com motores a combustão.

A Mini já está fazendo avanços quando se trata de mobilidade elétrica. O modelo híbrido plug-in Cooper SE Countryman ALL4 foi responsável por garantir que 5% das vendas globais da marca seja de modelos eletrificados. Com a introdução do novo Cooper SE (um modelo totalmente elétrico e que chegará ao Brasil em 2021), esta parcela, em nível global, dobrou para 10% em poucos meses. Esta tendência também é diagnosticada no mercado brasileiro.

A Mini trabalhando para desenvolver conceitos para modelos elétricos John Cooper Works

O mais novo veículo eletrificado a aportar no País, o híbrido plug-in Cooper S E Countryman ALL4, no primeiro mês após seu lançamento, representou 15% do volume total de emplacamentos da marca. Com base nesta experiência e olhando para a tecnologia do futuro, a Mini está agora preparando a próxima etapa no desenvolvimento de modelos elétricos John Cooper Works.

“Com o Cooper SE, mostramos como o Go Kart Feeling típico da marca e a mobilidade elétrica podem ser combinados”, afirma Bernd Körber, diretor da Mini. “Agora é hora de traduzir a paixão pelo desempenho do John Cooper Works em eletromobilidade. É por isso que estamos trabalhando para desenvolver conceitos para modelos elétricos John Cooper Works”, completou.

O modelo eletrificado deverá ter a mesma dirigibilidade Go Kart Feeling apregoada pela marca

O foco no desenvolvimento de um John Cooper Works Electric demonstra o quanto é importante a mobilidade elétrica em termos da direção futura da marca — o objetivo é uma mistura única de sustentabilidade, desempenho e paixão. Segundo Bernd Körber os modelos John Cooper Works com motores de combustão convencionais continuarão a ter papel importante para atender aos desejos dos entusiastas de performance em todo o mundo. “Com este novo foco no desempenho elétrico, também estamos criando a oportunidade de aprimorar o perfil distinto da marca John Cooper Works mais do que nunca”, finaliza.

 

Car Magazine Car Magazine