Car Magazine Car Magazine

Pré-temporada da F1 aponta Red Bull à frente de Mercedes; confira todos os números

Mercedes têm início incomum com quebras e longe do topo, enquanto Verstappen e a Red Bull despontam como favoritos. Veja todos os números, fotos e vídeos dos testes.

RaceCar

A pré-temporada da F1 foi concluída no último do domingo (14) no Bahrein, palco da primeira etapa do ano no dia 28, em um formato de GP, com três dias de atividades intensas, entre uma ou outra tempestade de areia.

Foram dias bem interessantes que merecem ser olhados com atenção. Mesmo que a tabela de tempos não represente nada e serve para pregar peças quase sempre, o que conta nesses dados são: quilometragem e constância, tanto em stints longos quanto em voltas rápidas.

Os dois primeiros dias contiveram avaliações das mais variadas, com muitas equipes usando sensores espalhados pelo carro de forma bem visível por meio de grades que muita gente brinca e chama de “grelha de churrasco”, mas, no último, o povo sentou o pé, com os oito melhores tempos da pré-temporada saindo da sessão final.

Confira abaixo uma numeralha completa da pré-temporada e em seguida uma análise sobre o desempenho das equipes, junto com vídeos produzidos pela Band mostrando como foi cada um dos dias de treinos, além da onboard da primeira volta oficial da Aston Martin em seu retorno, com Sebastian Vettel no volante.

RESULTADO FINAL DA PRÉ-TEMPORADA DA F1

1. Max Verstappen (HOL/Red Bull-Honda), 1min28s960 (203 voltas)
2. Yuki Tsunoda (JAP/AlphaTauri-Honda), a 0s093 (185)
3. Carlos Sainz (ESP/Ferrari), a 0s651 (192)
4. Kimi Raikkonen (FIN/Alfa Romeo-Ferrari), a 0s806
5. Lewis Hamilton (ING/Mercedes AMG), a 1s065 (154)
6. George Russell (ING/Williams-Mercedes), a 1s157 (158)
7. Daniel Ricciardo (AUS/McLaren-Mercedes), a 1s184 (173)
8. Sergio Perez (MEX/Red Bull-Honda), a 1s227 (166)
9. Valtteri Bottas (FIN/Mercedes AMG), a 1s329 (150)
10. Fernando Alonso (ESP/Alpine-Renault), a 1s358 (206)
11. Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri-Honda), a 1s453 (237)
12. Lance Stroll (CAN/Aston Martin-Mercedes), a 1s500 (197)
13. Charles Leclerc (FRA/Ferrari), a 1s526 (212)
14. Lando Norris (ING/McLaren-Mercedes), a 1s626 (154)
15. Antonio Giovinazzi (ITA/Alfa Romeo-Ferrari), a 1s800 (193)
16. Esteban Ocon (FRA/Alpine-Renault), a 2s186 (190)
17. Nikita Mazepin (RUS/Haas-Ferrari), a 2s571 (213)
18. Nicholas Latifi (CAN/Williams-Mercedes), a 2s712 (132)
19. Mick Schumacher (ALE/Haas-Ferrari), a 3s093 (181)
20. Sebastian Vettel (ALE/Aston Martin-Mercedes), a 4s782 (117)

QUILOMETRAGEM ACUMULADA POR PILOTO

1. Pierre Gasly, 1283 km
2. Kimi Raikkonen, 1239
3. Nikita Mazepin, 1153
4. Charles Leclerc, 1147
5. Fernando Alonso, 1115
6. Max Verstappen, 1099
7. Lance Stroll, 1066
8. Antonio Giovinazzi, 1045
9. Carlos Sainz, 1039
10. Esteban Ocon, 1028
11. Yuki Tsunoda, 1001
12. Mick Schumacher, 980
13. Daniel Ricciardo, 936
14. Sergio Perez, 898
15. George Russell, 855
16. Lando Norris, 833
17. Lewis Hamilton, 833
18. Valtteri Bottas, 812
19. Nicholas Latifi, 714
20. Sebastian Vettel, 633
21. Roy Nissany, 83

QUILOMETRAGEM ACUMULADA POR EQUIPE

1. AlphaTauri-Honda, 2284 km
2. Alfa Romeo-Ferrari, 2284
3. Ferrari, 2186
4. Alpine-Renault, 2143
5. Haas-Ferrari, 2132
6. Williams-Mercedes, 2019
7. Red Bull, 1997
8. McLaren, 1770
9. Aston Martin, 1699
10. Mercedes, 1645

QUILOMETRAGEM/VOLTAS ACUMULADAS POR MOTOR

1. Mercedes, 7133 km/1318 voltas
2. Ferrari, 6602 km/1220 voltas
3. Honda, 4280 km/791 voltas
4. Renault, 2143/396 voltas

OS TRES MELHORES DE CADA DIA

SEXTA-FEIRA
1. Max Verstappen (HOL/Red Bull-Honda), 1min30s674 (139 voltas)
2. Lando Norris (ING/McLaren-Mercedes), 1min30s889 (46)
3. Esteban Ocon (FRA/Alpine-Renault), a 1min31s146 (129)

SÁBADO
1. Valtteri Bottas (FIN/Mercedes AMG), 1min30s289 (58 voltas)
2. Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri-Honda), 1min30s413 (87)
3. Lance Stroll (CAN/Aston Martin-Mercedes), 1min30s460 (71)

DOMINGO
1. Max Verstappen (HOL/Red Bull-Honda), 1min28s960 (64 voltas)
2. Yuki Tsunoda (JAP/AlphaTauri-Honda), 1min29s053 (91)
3. Carlos Sainz (ESP/Ferrari), a 1min29s611 (79)

– A Red Bull surgiu como força principal nesta pré-temporada da F1, com consistência e velocidade, liderando dois dos três dias com Max Verstappen e estabelecendo o melhor tempo de todo o encontro.

– A Mercedes foi a equipe que menos andou, com 1645 km e, apesar de ter liderado o segundo dia com Valtteri Bottas, não ficou muito satisfeita com o resultado e viu até Lewis Hamilton provocar a bandeira vermelha ao sair da pista uma vez.

– A Ferrari, mesmo tendo visto Charles Leclerc ficar na mão em um dos dias com uma quebra, sai da pré-temporada da F1 com motivos para sorrir: o motor mostrou potência e durabilidade, com as três equipes equipadas com o motor italiano ficando entre as cinco que mais acumularam milhagem.

– A Aston Martin mostrou estar com um carro no mesmo nível que o deixado pela Racing Point no ano passado, mas diversos pequenos problemas, um deles no motor, atrapalharam Sebastian Vettel, que fechou os treinos como o que menos andou.

– A Alpha Tauri vem sendo uma grata surpresa, andando bem, no pelotão de cima e com seus dois pilotos apresentando bons desempenhos. Podemos dizer que a ex-Minardi/Toro Rosso é a melhor equipe do pelotão intermediário.

– Alfa Romeo, McLaren e Williams também mostraram melhoras significativas, com pelo menos um de seus carros andando entre os dez primeiros. Assim como a Alpine, que nasceu bem, sem muitos contratempos e com Fernando Alonso mostrando a boa forma. De todas, a Haas, com dois estreantes em fase de adaptação, parece que vai ser a lanterna da vez.

– É muito difícil desenhar a ordem de forças nesta pré-temporada da F1, mas dá para delinear um primeiro grupo com Red Bull e Mercedes, outro com Ferrari, McLaren Alpine, Aston Martin e Alpha Tauri e, colados atrás, Alfa Romeo, Williams e Haas.

– Saberemos a verdade em duas semanas no mesmo circuito do Bahrein, mas a expectativa é de uma temporada espetacular.

GALERIA DE FOTOS

Car Magazine Car Magazine